quinta-feira, 4 de fevereiro de 2010

As três moças de São Nizier

Em Vercors, nos Alpes franceses, subindo ainda mais alto pelo lado da Torre Sans-Venin, hás três rochedos verticais que parecem estátuas e sobressaem na montanha.

Todos os habitantes de Grenoble conhecem esses três rochedos míticos que surgem altaneiros entre as crestas de Vercors. Os alpinistas vencem muitos desafios quando conseguem escalá-los.

Mas sabeis qual é a origem de seu nome tão curioso? Pois eles são conhecidos como “as três moças de São Nizier”. Eis o que aconteceu:

Três moças muito belas e sobre tudo muito vaidosas viviam numa aldeia de Vercors. Os seus costumes coquetes deixavam surpresos os habitantes do local que tinham muitas dificuldades para sobreviver cultivando aquela terra árida no verão e fria no inverno.

Num verão, enquanto todo mundo trabalhava duro nos campos, as três senhoritas passeavam pelas pradarias.

‒ Oh!, exclamou uma delas, olhem! Com essas flores eu arranjarei um lindo vaso!

‒ Ah! com elas eu faria uma coroa para meus cabelos, disse uma outra.

‒ Olha! o vendedor ambulante de panos está vindo ai!

‒ Ah ! Sim, sim ! Vamos ver quais são as novas cores no seu carrinho!

E partiram com inteira despreocupação sem pensar nos perigos que poderiam acontecer.

Após terem descido a ladeira encontraram três malandros que as aguardavam. Eles avançavam gritando obscenidades irreproduzíveis.

‒ “Socorro! Ajuda!” gritou uma.

‒ “Fujamos logo”, disse outra.

‒ “Ah! se eu tivesse sabido...”, acrescentou a terceira.

As três vaidosas compreenderam tarde seu erro. E saíram correndo em direção da aldeia que ficava muito longe.

Mas as roupas prendiam nas pedras e os bandidos se aproximavam expertos, agressivos e velozes.

Percebendo que estavam perdidas, as três lembraram de invocar o Santo da paróquia.

São Nizier sempre foi muito solícito com seus devotos. Lá, do Céu estava vendo a cena e decidiu dar uma lição exemplar às três moças e que valesse para todas as coquetes que andam pelo mundo. Todas elas ficariam sabendo que a despreocupação de descocada tem graves conseqüências.

São Nizier, em lugar de castigar os vagabundos, decidiu transformar as três moças em rochedos.

Os criminosos ficaram sem o que queriam.

As moças foram salvas.

Mas ficaram para sempre lá petrificadas lembrando às moças do vale de serem sérias, prudentes, laboriosas, e obedientes aos pais.



Desejaria receber 'Contos e lendas da Era Medieval' sem compromisso no meu Email

CRUZADAS CASTELOS CATEDRAIS HEROIS ORAÇÕES CIDADE SIMBOLOS
AS CRUZADASCASTELOS MEDIEVAISCATEDRAIS MEDIEVAISHERÓIS MEDIEVAISORAÇÕES E MILAGRES MEDIEVAISA CIDADE MEDIEVALJOIAS E SIMBOLOS MEDIEVAIS

Nenhum comentário:

Postar um comentário